Várias edições da “A Borduna” - Jornal dos Povos Indígenas de Pernambuco” estão em uma superfície plana sobrepostas em posições diferentes. Algumas estão de frente, outras de lado, ou de cabeça pra baixo. Entre as manchetes de capa estão: “Indígenas em Pernambuco – Os desafios na prática”, “Professores indígenas discutem resolução de Conselho Nacional de Educação”, “Oficina de História e Cultura nos Kapinawá”. Os exemplares são de 2000, 2001 e 2002.
COPIPE-A-Borduna-verm-11.jpg

O jornal A  Borduna
teve 13 edições, 

a primeira foi lançada em maio de 1999 e a última em 2005. A publicação teve a autoria dos/as professores/as indígenas e o objetivo de facilitar a articulação e circulação de informação entre os povos indígenas em Pernambuco, como mostra o editorial da edição nº 2 do Jornal:

 

“O A BORDUNA continua facilitando não só o intercâmbio entre os Kambiwá, Kapinawá, Pankararu, Xukuru, Fulni-ô, Atikum e Truká, como também se propõe a ampliar cada vez mais seu espaço de circulação e articulação, fortalecendo a causa indígena através da comunicação e da informação entre os outros povos no Brasil”

A ação aconteceu no contexto do Projeto Escola de Índios desenvolvido pelo Centro de Cultura Luiz Freire (CCLF).

ACERVO A BORDUNA 1999 - 2005